Sem Comentarios

Temer proibirá abertura de novos cursos de medicina


O presidente Michel Temer assinará um decreto que proíbe a abertura de novos cursos universitários de medicina no país durante um prazo de cinco anos. As informações são da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo. 
Segundo o ministro da Educação, Mendonça Filho, o presidente deve assinar o decreto até o fim deste ano. "Há um clamor dos profissionais de medicina para que se suspenda por um período determinado a abertura de novas faculdades, em nome da preservação da qualidade do ensino", explicou o ministro à colunista.
Mendonça Filho informou, ainda, que dois editais para abertura de novas graduações na área, lançados ainda na gestão de Dilma Rousseff, serão concluídos.

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.