Sem Comentarios

DISTRITO PILAR - INFRAESTRUTURA:Coelba investirá mais de 4 milhões de reais em nova rede elétrica, em Pilar


fotos ascom Coelba

Em reunião, realizada na última terça-feira, 30/04, a convite de moradores, comerciantes e proprietários de apartamentos dos edifícios do centro do distrito Pilar, no município de Jaguarari, a empresa concessionária dos serviços de energia do Estado da Bahia, Coelba, apresentou o projeto da nova rede elétrica que será construída para melhorar a infraestrutura de fornecimento de energia para todos os clientes dos edifícios, construídos, no final da década de 1970, pelo BNDES e Mineração Caraiba, na época Caraíba Metais.


A Coelba  terá um custo de aproximadamente 4 milhões de reais para execução da obra.
Participaram, também desse evento, a Mineração Caraíba S/A, que está regularizando a documentação de todos os imóveis, uma das exigências da Coelba para execução dos projetos referente aos novos quadros de medidores dos prédios. Além da mineradora, estiveram presentes a EPC - Empresa de Participação Comunitária Pilar S/A e representante da CDL - Câmara de Dirigentes Lojistas de Pilar. Apesar de convidados, os representantes da prefeitura municipal não compareceram.



Os engenheiros, colaboradores da Coelba, frisaram a importância desse projeto para empresa, pois  prezam pela segurança de seus clientes e terceiros. Observaram os engenheiros, que as atuais instalações elétricas dos edifícios e da rede elétrica subterrânea estão deterioradas, ultrapassadas e fora dos padrões da Coelba e das normas de segurança,  oferecendo, assim, riscos eminentes de acidentes de grandes proporções a todos.
Mesmo com o alto custo, assumido pela concessionária de energia, a companhia afirmou que os custos com os projetos do novos quadros de medidores dos prédios serão de responsabilidade dos consumidores,  o que causou insatisfação por parte de alguns. Como é uma medida de intervenção de segurança, a Coelba deixou claro que, quem não fizer as reformas necessárias, terão o fornecimento de energia suspenso através de autorização judicial. Caso necessário o Ministério Público será acionado.
Neste sentido, é importante salientar que, há alguns anos, houve um sério acidente em um dos prédios causando transtornos para os moradores, proprietários de apartamentos e comerciantes.

Jaguarari Acontece

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.