Sem Comentarios

“PLACA DA DISCÓRDIA” ENTRE OS ESTADOS BAHIA E PERNAMBUCO É RETIRADA DA PONTE PRESIDENTE DUTRA

A "placa da discórdia" que faz a demarcação da área territorial entre os estados da Bahia e 
Pernambuco, conseqüentemente, entre Juazeiro e Petrolina, não está mais no local onde foi 
afixada há alguns dias na orla da cidade baiana.
O fato repercutiu na imprensa regional e imediatamente mobilizou lideranças de várias vertentes 
políticas, entre elas o Deputado Federal José Carlos Araújo (DEM), o prefeito Paulo Bomfim 
(PCdoB), o Deputado Estadual Crisóstomo Lima (Zó do PCdoB), além da indignação de vários 
uazeirenses que expressaram nas redes sociais as suas insatisfações.
Superintendente do DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes na Bahia 
Amauri Souza Lima foi bombardeado com a pressão política e popular fato que o levou a manter 
contato com a Superintendência do órgão em Pernambuco que “admitiu o equívoco”.
Na manhã desta sexta-feira, 20 de julho, a Ponte Presidente Eurico Gaspar Dutra amanheceu sem a
 placa e conseqüentemente o marco regulatório territorial entre os dois estados nordestinos. Menos
 mal.
Agora ficou só o pórtico indicando a extensão do Rio São Francisco, os destinos Petrolina, 
Recife e Fortaleza, bem como de Salvador, Ilhéus e Rio de Janeiro.

Reprodução: Fotos Geraldo José

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.