Sem Comentarios

Tarifa extra nas contas de energia ficará mais cara em outubro por causa da estiagem

Tarifa extra nas contas de energia ficará mais cara em outubro por causa da estiagem
Foto: Reprodução / A Crítica

A tarifa extra em vigor nas contas de energia ficará mais cara a partir de outubro. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deve anunciar nesta sexta-feira (2) que a bandeira tarifária vai passar para vermelha patamar 2, o mais caro previsto, e a taxa cobrada nas contas de luz será R$ 3,50 a cada 100 kWh consumidos. Seria a primeira vez desde 2015, quando o sistema foi criado, que a taxa extra de R$ 3,50 seria cobrada. Em setembro vigorou a bandeira amarela, que aplica taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos. O motivo para o encarecimento é a estiagem e a necessidade de uso mais intenso das termelétricas, de acordo com o G1. O custo de geração de energia fica mais alto conforme aumenta o uso de usinas termelétricas, já que tal modalidade usa combustível (óleo, gás, carvão, biomassa) para gerar eletricidade - a mais cara produzida pelas hidrelétricas. Neste ano, o país enfrenta um anova estiagem, que reduziu o volume de água armazenado nos reservatórios das principais hidrelétricas do país. Por casua da necessidade de poupar essa água, o governo aciona mais termelétricas para atender à demanda dos consumidores. 

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.