Sem Comentarios

AGU cobra R$ 1,4 milhão de maridos que assassinaram mulheres; dinheiro é para INSS

AGU cobra R$ 1,4 milhão de maridos que assassinaram mulheres; dinheiro é para INSS
Foto: Reprodução / Social Previdência

Com 12 ações ajuizadas na Justiça, a Advocacia-Geral da União (AGU) pede que maridos que assassinaram suas mulheres devolvem ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) o dinheiro que o órgão gasta com os dependentes delas. Em fevereiro deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) chegou a reconhecer essa possibilidade, que começou a ser efetivada. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, o objetivo é garantir que essas ações tragam R$ 1,4 milhão de volta a AGU, valor correspondente aos números já pagos pelo órgão. De acordo com a publicação, em uma ação de Sorocaba, a AGU pede R$ 629 mil. Em um caso de Santos, o valor é de R$ 100 mil. As outras ações são no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Pernambuco e Distrito Federal.

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.