Sem Comentarios

APÓS CHUVAS, BARREIROS CONSTRUÍDOS PELO CONSTESF MUDAM CENÁRIO NO SERTÃO DO SÃO FRANCISCO


Depois de um longo período de estiagem, pequenos produtores contemplados pelo Projeto 
Cisternas do Consórcio Sustentável do Território do São Francisco (Constesf) comemoram 
as últimas chuvas. Centenas de barreiros estão transbordando e levando alívio às famílias que 
contam com a tecnologia capaz de captar e armazenar 500 mil litros de água e que garante a 
manutenção da agricultura e criação de animais durante períodos sem chuvas.
Motivo de alegria para dona Maria Aparecida de Luna, da comunidade de Tatuí 3, em Sobradinho
, que tem um barreiro construído pelo Constesf em sua propriedade desde 2016 e que transbordo
u com as últimas chuvas. "O barreiro que recebi no meu sítio aconchego da Luna desde 
quando foi feito nunca secou. Eu só tenho a agradecer a parceria do município com o Constesf, 
pois quando falta alimentos temos água para complementar a ração que compramos e isso é
 de suma importância, pois muitos agricultores familiares não teriam condições financeiras 
para fazer o barreiro. A estrutura do barreiro faz com que a água não evapore e assim podemos 
ter água o ano todo para os animais e até fazer pequenas hortas para o próprio consumo", explicou.


De acordo com o presidente do Constesf e Prefeito de Canudos, Genário Rabelo, a execução 
do Projeto Cisternas está diminuindo a escassez de água na região. "Até agora 
entregamos aproximadamente 900 barreiros, além das cisternas para consumo humano e 
produção de alimentos que também são benefícios do Projeto e que somam mais de 2 
mil famílias atendidas. São tecnologias que estão melhorando a vida do pequeno produtor 
rural e que chegam a todos os 10 municípios que fazem parte do Constesf", afirmou.

Ascom Constesf - Reprodução: Blog do Geraldo José

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.