Sem Comentarios

Carga de remédios para câncer avaliada em 5 milhões é roubada

No mês de novembro uma carga de medicamentos contra o câncer foi roubada quando era transportada para a Fundação Remédio Popular em São Paulo.
Apesar do tempo, somente na segunda-feira (26), o crime foi divulgado.
O IVB vai processar a empresa Airway Transporte.
“Dez dias depois do ocorrido fomos informados de que houve um extravio. Somente cinco dias mais tarde deste aviso, é que a transportadora disse que havia ocorrido roubo. Nossa abordagem teria sido completamente diferente, teríamos mobilizado a imprensa, porque essa carga não tem valor comercial. Cada caixa tem a inscrição de que é proibida a sua venda. Mas depois de duas semanas, não sabemos em que condições o remédio foi armazenado”, afirmou o presidente do IVB, Edmilson Migowski ao Estadão.
O medicamento Imatinibe é usado para leucemia mieloide crônica e tumor de intestino. “Nossa preocupação maior foi em relação ao risco de desabastecimento. Mas o Ministério da Saúde tinha estoque estratégico e tínhamos parte do produto já pronto. Não faltou medicamento para os pacientes de São Paulo”, afirmou o presidente ainda em entrevista ao jornal.

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.