Sem Comentarios

Belmonte: Grupo acusa dono de lanchonete de intolerância religiosa

Belmonte: Grupo acusa dono de lanchonete de intolerância religiosa
Foto: Reprodução / Radar 64

Um grupo de candomblecistas acusa o dono de uma lanchonete em Belmonte, na Costa do Descobrimento, de intolerância religiosa. Um vídeo que circula em redes sociais mostra o dono do estabelecimento revoltado com a presença das pessoas, chegando a ordenar que eles saíssem do estabelecimento. Segundo o Radar 64, o fato ocorreu na noite de terça-feira (23) após uma discussão sobre consumo. O proprietário do local criticou o consumo do grupo, que, segundo ele, tinha comprado apenas “duas latinhas”. Depois disse que o pessoal estava “atrapalhando” a locomoção dele no espaço. A partir daí, houve discussão e o homem gritou que não queria o pessoal na lanchonete.

O grupo saiu e protestou contra o fato na frente do comércio de lanches. Ainda segundo o site, a filha do proprietário da lanchonete disse, via WhatsApp, que o pai se revoltou porque o grupo, com mais de 20 pessoas, teria usado o espaço para uma reunião, ocupando cadeiras e mesas, sem autorização do dono do espaço.  Na cidade ocorreu o Festival de Cultura Popular do Vale do Jequitinhonha, o Festivale. O evento reúne visitantes de diversas cidades da região.


Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.