Sem Comentarios

POLÍCIA PRENDE EM JUNDIAPEBA HOMEM SUSPEITO DE MATAR ESPOSA EM JUAZEIRO-BA


Depois de uma denúncia anônima, Policiais Militares da Rocam,capturaram um homem, em 
Jundiapeba, distrito de Mogi das Cruzes, suspeito de ter matado a própria mulher, no interior 
da Bahia, no ano passado. Ele deu detalhes para a PM de como cometeu o assassinato. Depois 
do crime ele ainda enterrou o corpo da vítima e pôs fogo no carro dela antes de fugir.
José de Jesus, de 49 anos, era casado com Noêmia Ribeiro, de 45 anos. Ela foi morta em 
setembro do ano passado em Juazeiro, na Bahia. Em um vídeo gravado pela polícia, ele falou 
sobre o crime. “Porque a gente já vinha se desentendendo há um bom tempo. Ai chegou o dia 
que a gente entrou numa briga corporal e agarrei o pescoço dela e só soltei quando ela já estava 
morta”.
Na época, a filha do casal gravou uma entrevista antes do corpo da mãe ser encontrado. 
“Quando entrei e vim até o quarto, encontrei os celulares dele e dela, documentos. A cama 
estava sem lençol, alguns vestígios de sangue e ai chamei a polícia”, disse Noária de Jesus.
O corpo de Noêmia foi encontrado no povoado de Bicas, perto de Campo Formoso, norte da 
Bahia, ao lado do carro da vítima, que foi queimado.
Desde então, José estava foragido pelo nordeste e foi encontrado dois dias depois de chegar a
 Mogi das Cruzes. Ele estava escondido em uma casa de Jundiapeba. A polícia bateu na porta 
e o próprio suspeito que atendeu.
O homem chegou a tentar fugir, mas foi capturado. O homem foi detido no 2º DP de Mogi das 
Cruzes por homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Depois da cadeia, o suspeito deve ser encaminhado de volta para Bahia onde vai a juri popular.

Fonte: G1 de Mogi das Cruzes-SP - Reprodução: Blog do Geraldo José

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.