Sem Comentarios

POLÍTICA JAGUARARI: VÍDEO MOSTRA A REVOLTA DA POPULAÇÃO EM SESSÃO


Uma Câmara movida à politicagem e em falta com o povo
Vereadores faltam às sessões do orçamento, mas comparecem em sessão extraordinária para apreciar suspeição de membros da Comissão Parlamentar Processante contra Prefeito

Jaguarari – O andamento dos trabalhos na Câmara de Vereadores de Jaguarari tem sido pautado apenas pela politicagem. Prova disso é que a sessão da quinta-feira (18) cuja pauta era um assunto relacionado aos serviços à população, aprovação da LOA, não aconteceu por falta de quórum. Somente um vereador compareceu para votar o projeto da Lei de Orçamento Anual do município, que determina como serão investidos os recursos públicos em 2018. A Câmara de Jaguarari deixou claro que só vota assuntos de interesses políticos dos vereadores pois, numa mesma semana, todos eles foram capazes de comparecer a sessão extraordinária realizada na quarta-feira (24) cuja pauta era um pedido de suspeição da Comissão Parlamentar Processante impetrado pelo Prefeito Everton Rocha. Um dia após, nesta última quinta-feira (25), na sessão ordinária cuja pauta novamente era a Lei Orçamentária Anual (LOA) e mais uma vez, não aconteceu por falta de quórum. O único que compareceu foi o vereador Louri da Barrinha.
Revoltados com o cancelamento de mais uma sessão ordinária, essa já é a terceira só esse ano, o ânimo da população que lotou o auditório da Câmara de Vereadores de Jaguarari ficou agitado.
“Tudo ator. Por que ontem estavam aqui os doze cachorros e hoje não estavam? Porque eles querem o mal de Jaguarari", dispara uma senhora para a câmera do blog Jaguarari News.
Na intenção de prejudicar a gestão do Prefeito Everton Rocha, a Câmara tem cometido todo tipo de ilegalidade. E pior do que isso, tem colocado os interesses pessoais dos vereadores acima dos interesses da população e do município. "Safadeza muito grande. Eu nunca pensei de Jaguarari ter uns vereadores que nem esse aí. Se eles pensam que estão prejudicando o prefeito, que é isso que eles querem, se enganam, eles estão prejudicando a população. Sinceramente, decepção pura", avalia outra cidadã ao sair da sessão.
Em Jaguarari a pergunta que se faz nas ruas é se os vereadores foram votados para servir aos interesses da população ou aos seus próprios interesses?
Enquanto isso, o povo sofre com os serviços municipais regrados, pois a Prefeitura só pode efetuar os investimentos após a votação do orçamento pelos vereadores. É o orçamento que determina os investimentos necessários em áreas como a saúde, educação, ação social. Não bastasse isso, a Secretaria de Ação Social está impedida de fazer contratação porque a Câmara ainda não apreciou o projeto de lei que permite o processo seletivo para a pasta.
“É um absurdo. O povo precisa se conscientizar que aqui não é mais a casa do povo. Precisamos nos unir e acionar a justiça. Porque aqui só encontramos injustiça. O povo é que manda. Não podemos mais ficar aqui de braço cruzado. Não dá pra ficar do jeito que está”, comenta outro popular de nome Zezinho
A população revoltada com a situação clamou para que a justiça intervisse na situação. "Precisa a Justiça para tomar conta daqui. Nós estamos sofrendo. isso é uma palhaçada. Carro da saúde não tem. Carro do lixo não tem. Nós estamos passando por dificuldade porque esses vereadores não querem votar. Só olham para o próprio umbigo deles", desabafou uma munícipe.
Com isto, a população está se organizando para realização de abaixo assinado e manifestações e o município está tomando providencias judiciais para que o interesse da população seja respeitado.

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.