Sem Comentarios

Luan Santana vai ter que se explicar em CPI da Lei Rouanet


O sertanejo Luan Santana e seus representantes legais vão ter que se explicar a CPI da Lei Rouanet, na investigação de desvios de verbas através do programa de incentivo à cultura. O cantor vai ter que explicar o uso da isenção fiscal em seus shows.
O Ministério da Cultura, o MinC, autorizou a LS Music Produções Artísticas a captar R$ 4.143.325 para a relização do projeto “Luan Santana – Turnê: Nosso Tempo é Hoje – Parte II”. No entanto, a turnê não aconteceu e o pedido foi arquivado em 2016 por solicitação da própria equipe, segundo informações da Folha.

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.