Sem Comentarios

Presidente dos EUA é acusado de racismo por não cumprimentar padre negro; veja vídeo


Um vídeo que circula nas redes sociais tem gerado revolta nos internautas, ao mostrar o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em um evento religioso, cumprimentando todos os sacerdotes e ignorando o único negro.
A cena foi gravada no último dia 21 de janeiro, na Catedral Nacional de Washington.


Enquanto alguns acusaram o presidente de racista, outros defenderam que o sacerdote negro se negou a estender a mão para o presidente, como forma de protesto.
Alguns meios de comunicação americanos tentaram elucidar a polêmica e explicaram que o negro, na verdade, era um sacristão e todos eles estariam usando a roupa roxa. Segundo informações, a cerimônia religiosa em questão determina que nenhum sacristão seja cumprimentado.
Assista:

Qualquer comentário com xingamentos palavras racistas será automaticamente excluído por nossa equipe. Agradecemos a Compreensão e o Respeito.